• Thiago Barreira

Dicas para um Atacante se Destacar nos Estados Unidos


Você joga no ataque? Então veja algumas dicas para se posicionar melhor e conseguir uma bolsa de estudos nos EUA!


Quando qualquer criança sonha em jogar futebol a primeira coisa que ela se imagina fazendo é um gol, não é mesmo? Não é atoa que os atacantes são a posição mais valorizada do futebol, tanto a nível social quanto econômico. Não é segredo que os atacantes recebem em média salários maiores que os jogadores das outras posições, mas isso também traz uma responsabilidade maior: fazer os gols!

Se você é atacante, certamente será cobrado sobre os gols de sua equipe, por isso precisa estar bem para criar as oportunidades de gol e concluí-las com êxito. Vou procurar aqui dar dicas que vão te ajudar a se posicionar melhor no campo de acordo com as suas características para ajudar nessa difícil missão.

No futebol constantemente confundimos função de um jogador com a sua posição. Em outro momento, explicarei a vocês com mais tempo a diferença entre posição e função, mas basicamente posição está ligado ao local do campo que é ocupado por esse jogador enquanto a função está ligada ao que o jogador irá fazer em campo. Por exemplo, um jogador que joga na posição de centroavante pode ter diferentes funções como um centroavante fixo, um centroavante mais móvel e até o chamado falso 9.

Portanto, para falar sobre o ataque didaticamente, resolvi separar em duas posições e dentro delas falar de diferentes funções: o atacante que atua dos lados do campo, chamado de atacante de beirada e o atacante que joga no centro de campo.

ATACANTE DE BEIRADA

Esse jogador ocupa as faixas mais laterais do campo no ataque. Para você que sonha em conseguir uma bolsa de estudos em universidade americana essa posição em inglês se chama: WINGER. Essa posição geralmente é ocupada por jogadores que possuem mais velocidade, bons dribles e gostam de atuar com espaços. Essas características são importantes para quem joga nessa posição para explorar os espaços laterais do campo e dar amplitude as suas equipes.

Para essa posição existem duas funções bem definidas e diferentes entre si: o Ponta (ou extrema como é chamado em Portugal) e o Ala.

A principal diferença entre elas está no momento defensivo, quais as funções defensivas o ponta e o ala têm. Em esquemas com 3 zagueiros os jogadores mais abertos são chamados de alas, como no 3-5-2, mas isso acontece também em outros desenhos táticos.


O ala, quando a equipe está sem bola, precisa se posicionar atrás da linha da bola, por vezes adotar um posicionamento de linha. Isso acontece com os alas dos dois lados ao mesmo tempo.


Já os pontas geralmente atribuídos a desenhos táticos como o 4-3-3, possuem mais liberdade quando a equipe está sem a bola. Por vezes, os pontas dos dois lados ficam a frente da linha da bola quando a bola está com o adversário, mas o mais comum é um estar dessa linha quando a bola está do seu lado e o outro a frente para o balanço ofensivo.



Pra deixar claro, a diferença é como se o ala tivesse funções defensivas fortes em qualquer contexto sem a bola e o ponta teria essas funções relativizadas ao contexto. Vale lembrar também que as funções de ponta e ala podem ser usadas em diferentes esquemas táticos, como o 4-3-3, 3-4-3, 5-4-1, 4-2-3-1 entre outros que possuem jogadores abertos no ataque.

As semelhanças dessas duas funções que fazem com que as duas se tratem de atacantes de beirada está na participação da ação ofensiva. Eles são os jogadores que atuam abertos, dão amplitude aos times e criam situações de ataque pelas beiradas. Além das características de velocidade e drible para você atuar nessa posição também é importante pensar em qual é o seu pé dominante.

Hoje existem treinadores que preferem que os seus atacantes de lado atuem com os pés contrários, ou seja, os atacantes destros do lado esquerdo e os atacantes canhotos do lado direito. Como também existem os que pensam o oposto, mas e aí?! Qual desses é melhor para você?


A minha dica é pensar nas características do seu jogo e em quais fundamentos técnicos você é melhor. Exemplo, se você finaliza muito bem jogar do lado contrário pode ser positivo, porque sempre que driblar para o meio estará de frente para o gol e com a bola na sua perna boa. Mas se você possui um cruzamento melhor jogar no pé certo será mais vantajoso porque irá sempre cruzar com a sua perna dominante. Outro ponto, se você se destaca pela velocidade o pé certo te dá uma vantagem de buscar o lado do campo, onde tem mais espaço. Se é um driblador melhor jogar no pé contrário será bom, pois você pode usar o drible para entrar na área e sempre ter a bola no seu pé de maior domínio.

ATACANTE DE CENTRO

Os atacantes que atuam no centro do campo podem ter diferentes funções. Escolhi três para explicar melhor e você poder escolher qual das três é melhor para o seu jogo. São elas: o centroavante fixo, o centroavante móvel e o falso 9.

CENTROAVANTE FIXO

É aquele jogador que fica mais no centro do jogo e é o ponto mais avançado da equipe. Os centroavantes se movimentam menos em comparação as outras funções do centro mas serão a referência no ataque. Como características físicas são jogadores mais fortes, porque muitas vezes jogam de costas para o gol, segurando os zagueiros adversários e fazendo o pivô para os companheiros. Também é normal essa função ser desempenhada por jogadores altos e de bom cabeceio, sendo a referência para as bolas que são cruzadas na área durante o ataque. Nos EUA, esse jogador é chamado de STRIKER ou TARGET STRIKER.


CENTROAVANTE MÓVEL

O centroavante móvel é aquele jogador que joga centralizado, é o mais avançado da equipe, mas não fica preso somente ao centro do campo. O centroavante móvel se movimenta mais para buscar a bola, sai para os lados do campo e abre espaço para um companheiro pode entrar na área. As características desse tipo de jogador, além de uma velocidade maior que o centroavante fixo, ele possui bons passes, da mais assistência para gols e finaliza bem de fora da área também. Em inglês esse jogador se chama FORWARD.


FALSO 9

O falso 9 é uma função que ficou famosa nos últimos anos, mas as pessoas têm falado que qualquer jogador que está no centro do ataque e não é um centroavante fixo está realizando essa função, o que não é verdade. Essa função ficou famosa com Barcelona de Pep Guardiola, que é tido como o “inventor” dessa posição. Não sei dizer se é verdade ou não, mas ele ao mínimo revolucionou o jeito de jogar e criou esse mecanismo usando o Messi como centroavante.


A ideia é que o falso 9 seja o jogador mais adiantado, que fique entre os zagueiros (figura A), mas quando a equipe esta no terço final do campo (ou seja, mais perto do gol) esse jogador saia dessa posição e vire um meia (figura B). Assim ele cria um espaço entre os zagueiros adversários para os outros atacantes entrarem e esse jogador passa a jogador entre os volantes e zagueiros o que quebra o sistema de defesa. Para desempenhar essa função o jogador precisa ter características mais próximas a deu um meia armador, ser inteligente, saber tomar boas decisões de para quem dar o passe, qual a hora de dar o passe e de finalizar. Se você é capaz disso, certamente jogar nessa faixa do campo vai te fazer se destacar.



Agora é com você, analise suas características se posicione no ataque para te favorecer e se destacar. Espero que essas dicas te ajudem a melhorar seu desempenho e alcançar uma bolsa de estudos nos EUA.

Venha conhecer nossos programas em www.gousa.com.br

Até a próxima, abraços!

#Futebolnosestadosunidos #Futebolnoseua #Jogarfutebolnoseua #futebolnosEUA #Jogarfutebolnosestadosunidos #educaçãoeesporte #esportenoseua

462 visualizações

Contato: mg@gousa.com.br

Todos os direitos reservados a Go Usa Advisory Ltda.

Rua Ouro Preto 1143, 1304, Belo Horizonte - MG

+1 (636) 395-0184

 

+55 (31) 99782-3333